Conversor De Bytes

Unidade de dados Resultado
Bit
Byte
Kilobyte
Megabyte
Gigabyte
Terabyte
Petabyte
Exabyte
Zettabyte
Yottabyte
Última Atualização:


O que é o armazenamento de dados?

O armazenamento de dados  refere-se ao  processo de armazenamento de  informações digitais ou dados de forma estruturada e   organizada  para que possam ser acessados, recuperados e usados quando necessário.  No contexto dos computadores e da  tecnologia, o armazenamento de dados  envolve salvar e  preservar arquivos digitais, documentos, mídias, software  e outros tipos de informações para o futuro   utilização.

 Existem vários tipos de  dispositivos e  tecnologias de armazenamento de dados, cada um com suas próprias características, vantagens e limitações.  Algumas formas comuns de armazenamento de dados  incluem:

As  tecnologias de   armazenamento de dados  continuam a evoluir, com foco  no aumento das  capacidades de armazenamento, na melhoria da velocidade e  confiabilidade e na redução de custos.  O gerenciamento adequado do armazenamento de dados  é essencial para garantir a integridade, a segurança e a acessibilidade dos  dados  ao longo do tempo.
 


Histórico de armazenamento de dados


A evolução do armazenamento de dados  acompanha os avanços na  tecnologia de computação. Os primeiros métodos codificavam informações mecanicamente ou magneticamente, levando ao moderno  armazenamento eletrônico de dados.

Punch Card Data Storage (1700s - 1800s)
A primeira forma  de armazenamento de dados  usava cartões perfurados com furos em  padrões predefinidos representando dados. Desenvolvidos em 1725  para  teares, os  cartões perfurados logo foram  adaptados para os  primeiros computadores,  como a máquina de tabulação Herman Hollerith de  1890. 

Magnetic Tape Drives (1928 - 1970)
O engenheiro alemão  Fritz Pfleumer desenvolveu fita magnética em 1928 para gravação de áudio. Em 1951, os computadores UNIVAC I  utilizavam fita magnética para armazenamento de dados  e backups. As unidades de  fita tornaram-se difundidas para a  computação empresarial inicial na década de 1970.

Hard Disk Drives - HDDs (1956 - Today)O
sistema RAMAC 305  de  1956  da IBM introduziu a primeira unidade de  disco rígido  (HDD) com 5 MB de capacidade. As HDD com pratos  magnéticos     giratórios foram a forma dominante  de  armazenamento de  dados  de alta capacidade para mainframes e microcomputadores na década de  2000. 

Disquetes (1969 - 2000)
Em 1969, a IBM introduziu o disquete de 8 polegadas  . Os disquetes  de 5,25 e  3,5 polegadas  que se  seguiram tornaram-se mídia padrão de transferência e armazenamento de dados  durante a década de  1990, antes de  declinar na  década de 2000.

Discos óticos - CD, DVD, Blu-ray (1982 - presente)
Os discos compactos (CD) surgiram em 1982, oferecendo mais capacidade do que os disquetes.  Seguiram-se os DVDs em  1995  e, em seguida, os discos Blu-ray  em 2006, aumentando a  capacidade de áudio, vídeo, jogos e armazenamento para o consumidor. Os discos óticos continuam em uso hoje.

Memória Flash - SSDs (década de 1980 - hoje)
Desenvolvida na  década de 1980,  a  memória flash retinha dados sem energia. Isso levou a cartões SD,  unidades USB e,  em 1991,  unidades de estado sólido  (SSDs). Sem  peças móveis, as SSD são mais rápidas e fiáveis  do que as HDD. A sua adoção continua a aumentar.

Armazenamento em nuvem (2006 - presente)
Com o  aumento da  internet  de banda larga,  surgiram serviços de armazenamento em nuvem, permitindo o  armazenamento remoto  e o acesso  de dados. Os principais provedores atuais incluem Amazon S3, Google Drive, Microsoft OneDrive, Dropbox e Box.

 

Big Data & Exabyte Storage (2010s - Today)
O crescimento exponencial de  dados de  mídias sociais,  dispositivos IoT e outras fontes digitais criou  demanda por armazenamento em escala de exabytes. Os  data centers dependem de  sistemas de  armazenamento em massa e data lakes em nuvem.

A tecnologia de armazenamento  continua avançando  com SMR, HAMR, DNA, holográfico, quântico e outras inovações emergentes de armazenamento de dados  no  horizonte.

 

Quais são os tipos de armazenamento de dados?

As tecnologias de armazenamento de dados atendem a diversas necessidades, desde memória primária rápida até armazenamento de arquivamento de alta capacidade. A escolha do tipo de armazenamento certo depende da velocidade de acesso, capacidade, custo e requisitos de durabilidade.

Armazenamento/Memória Primária; O armazenamento primário ou a memória fornecem acesso rápido para o processamento de dados no momento. Ele perde dados quando desligado. Os tipos incluem RAM volátil e cache de CPU.

Armazenamento Secundário; O armazenamento secundário preserva os dados persistentemente, mesmo quando desligado. Inclui:

  • As unidades de disco rígido (HDD) com discos magnéticos giratórios oferecem capacidades elevadas, mas um acesso mais lento.
  • As unidades de estado sólido (SSD) armazenam dados em chips de memória flash, proporcionando tempos de acesso mais rápidos e durabilidade.

Armazenagem Terciária; O armazenamento terciário arquiva eficientemente dados acessados com pouca frequência. Exemplos são drives de fita magnética com alta capacidade, mas acesso lento.

Armazenamento conectado à rede (NAS); Os dispositivos NAS se conectam via rede para fornecer armazenamento de arquivos compartilhados e backups normalmente para residências e pequenos escritórios.

Armazenamento com conexão direta (DAS); O DAS conecta diretamente dispositivos de armazenamento a um computador ou servidor. Exemplos são HDDs internos, HDDs externos e unidades flash USB.

Armazenamento em nuvem; O armazenamento em nuvem salva dados em servidores remotos de internet com benefícios como escalabilidade e acessibilidade. Os principais fornecedores incluem AWS, Microsoft Azure e Google Cloud.

Armazenamento de Objetos; O armazenamento de objetos gerencia dados como objetos em vez de arquivos. Ele é dimensionado para grandes dados não estruturados, como vídeo, imagens e backups.

Bases de Dados In-Memory; Os bancos de dados na memória armazenam dados na RAM para tempos de acesso a microssegundos e análises em tempo real.

Armazenamento de Banco de Dados; Otimizado para armazenar e acessar dados estruturados para bancos de dados relacionais e NoSQL.

Armazenamento de arquivos; O armazenamento de arquivamento preserva os dados para conformidade e retenção ao longo de décadas.

Armazenamento Virtual; O armazenamento virtual abstrai recursos de armazenamento físico. Os exemplos incluem virtualização de armazenamento e armazenamento definido por software.

 

O que são Unidades de Armazenamento de Dados?

A capacidade de armazenamento de dados é medida usando uma gama de unidades com base em potências crescentes de 1024 bytes. A escolha da unidade certa depende da escala dos dados.

Bit; O bit é a menor unidade de dados em código binário, representando 0 ou 1. Os bits constroem a base para o armazenamento digital de dados.

Byte; Um byte consiste em 8 bits. Os bytes são as unidades básicas usadas para o tamanho do armazenamento de dados e velocidades de transferência de dados.

Kilobyte (KB); 1 KB equivale a 1.024 bytes. Kilobytes medem pequenos dados, como arquivos de texto e imagens minúsculas.

Megabyte (MB); 1 MB equivale a 1.024 KB. Os megabytes medem dados maiores, como fotos de média resolução, músicas MP3 e clipes de vídeo curtos.

Gigabyte (GB); 1 GB equivale a 1.024 MB. Os gigabytes medem grandes instalações de aplicativos, longas-metragens e fotos de alta resolução.

Terabyte (TB); 1 TB equivale a 1.024 GB. Os terabytes medem grandes quantidades de dados, incluindo armazenamento em nuvem em escala de petabytes e backups.

Petabyte (PB); 1 PB equivale a 1.024 TB. Os petabytes medem conjuntos de dados extremamente grandes, como os processados por supercomputadores e na análise de big data.

Exabyte (EB); 1 EB equivale a 1.024 PB. Os exabytes representam dados astronomicamente de grande escala usados em pesquisas especializadas e grandes lagos de dados em nuvem.

Zettabyte (ZB); 1 ZB equivale a 1.024 EB. Zettabytes estão surgindo para medir dados massivos agregados em todo o mundo.

Yottabyte (YB); 1 YB é igual a 1.024 ZB. Yottabytes representam limites teóricos da capacidade de armazenamento de dados de computação.

Compreender as unidades de armazenamento de dados ajuda a calcular os requisitos e o planejamento de capacidade para dispositivos pessoais, armazenamento corporativo e computação em nuvem.
 

Conversor de Bytes

Um conversor de bytes é uma ferramenta ou software que permite converter valores entre diferentes unidades de armazenamento de informações digitais,  como bytes, kilobytes, megabytes, gigabytes, terabytes e muito mais. É comumente usado para entender rapidamente o tamanho dos arquivos, as capacidades de armazenamento e as taxas de transferência de dados em vários contextos, como computação, armazenamento de dados e rede.

Unidades de armazenamento de dados Tabela

Unit Name Unit Symbol Equivalent
Bit b 1 Bit
Byte B 8 Bits
Kilobyte KB 1024 Bytes
Megabyte MB 1024 KB
Gigabyte GB 1024 MB
Terabyte TB 1024 GB
Petabyte PB 1024 TB
Exabyte EB 1024 PB
Zettabyte ZB 1024 EB
Yottabyte YB 1024 ZB

Conversão de bytes em linguagens de programação comuns

Conversor de bytes Java Python

# Byte to Kilobyte conversion
def bytes_to_kb(bytes):
    return bytes / 1024

# Kilobyte to Megabyte conversion
def kb_to_mb(kb):
    return kb / 1024

# Megabyte to Gigabyte conversion
def mb_to_gb(mb):
    return mb / 1024

# Example usage
file_size_bytes = 2048
file_size_kb = bytes_to_kb(file_size_bytes)
file_size_mb = kb_to_mb(file_size_kb)
file_size_gb = mb_to_gb(file_size_mb)

print("File size in KB:", file_size_kb)
print("File size in MB:", file_size_mb)
print("File size in GB:", file_size_gb)

Conversor de bytes JavaScript

// Byte to Kilobyte conversion
function bytesToKB(bytes) {
    return bytes / 1024;
}

// Kilobyte to Megabyte conversion
function kbToMB(kb) {
    return kb / 1024;
}

// Megabyte to Gigabyte conversion
function mbToGB(mb) {
    return mb / 1024;
}

// Example usage
let fileSizeBytes = 2048;
let fileSizeKB = bytesToKB(fileSizeBytes);
let fileSizeMB = kbToMB(fileSizeKB);
let fileSizeGB = mbToGB(fileSizeMB);

console.log("File size in KB:", fileSizeKB);
console.log("File size in MB:", fileSizeMB);
console.log("File size in GB:", fileSizeGB);

Conversor de bytes Java

public class ByteConverter {
    // Byte to Kilobyte conversion
    public static double bytesToKB(double bytes) {
        return bytes / 1024;
    }

    // Kilobyte to Megabyte conversion
    public static double kbToMB(double kb) {
        return kb / 1024;
    }

    // Megabyte to Gigabyte conversion
    public static double mbToGB(double mb) {
        return mb / 1024;
    }

    public static void main(String[] args) {
        double fileSizeBytes = 2048;
        double fileSizeKB = bytesToKB(fileSizeBytes);
        double fileSizeMB = kbToMB(fileSizeKB);
        double fileSizeGB = mbToGB(fileSizeMB);

        System.out.println("File size in KB: " + fileSizeKB);
        System.out.println("File size in MB: " + fileSizeMB);
        System.out.println("File size in GB: " + fileSizeGB);
    }
}

#bytes para mb #1024 bytes para kb #bytes para kb para mb #bytes para gb fórmula

We use cookies to enhance your experience on our website. The types of cookies used: Essential Cookies and Marketing Cookies. To read our cookie policy, click here.